top of page

Governo reduz orçamentos para seguro rural e defesa agropecuária

Uma portaria do Ministério do Planejamento e Orçamento (MPO) publicada hoje reduziu em R$ 17 milhões a verba destinada à concessão de subvenção aos prêmios de seguro rural em 2024.




A portaria cancelou R$ 198 milhões do orçamento inicial do programa de seguro rural e fez uma suplementação de R$ 180,9 milhões. Com isso, o montante geral foi reduzido de R$ 964,5 milhões para R$ 947,5 milhões.


O setor produtivo brasileiro reclama desses números e cobra aumento do orçamento para, ao menos, R$ 2 bilhões. Recentemente, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) apontou a necessidade de suplementação maior, para que a verba seja ampliada para R$ 3 bilhões.


A portaria do MPO também cortou recursos destinados à defesa agropecuária. A área teve redução de R$ 39 milhões no orçamento para ações de modernização e fortalecimento da defesa Agropecuária (R$ 29,5 milhões), vigilância e inspeção das operações de comércio exterior de mercadorias, bens e materiais de interesse agropecuário (R$ 1,6 milhão), fortalecimento do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (R$ 6,8 milhões) e Apoio ao Desenvolvimento e Controle da Agricultura Orgânica (R$ 934,8 mil).


Apenas as ações de modernização e fortalecimento da defesa agropecuária foram suplementadas, com R$ 27 milhões.


A portaria do MPO remanejou cerca de R$ 32,4 bilhões do orçamento fiscal e da seguridade social da União em diversos órgãos e ministérios.



Para mais informações acesse: https://globorural.globo.com/

Comments


bottom of page