Milho: produtores de MS já têm perdas irreparáveis de pelo menos 30%

O tempo seco está prejudicando a segunda safra de milho em Mato Grosso do Sul. O produtor rural Antonio Schneid, de Maracaju, já estima perdas de até 60% em parte das lavouras. Na média, segundo ele, os agricultores do município devem perder entre 30% da safra – situação que ele acredita se estender ao estado como um todo.


“Nossa previsão era de 100 sacas por hectare, que é a média histórica nossa, mas, agora, com ocorrência da estiagem e falta d’água no solo, a expectativa é de 60, 70 sacas. Isso se a chuva normalizar”, alerta.


Schneid destaca que são perdas já consolidadas, não há como recuperar. “Mas podemos garantir o potencial que ainda existe, se chover. Algumas lavouras ainda estão boas”, diz.


Ele conta, também, que em algumas lavouras os produtores já acionaram o seguro rural. “Em outras, estamos avaliando. É uma situação regionalizada até dentro do município. Algumas perderam um pouco mais, são quadros bem distintos”, finaliza.



Para mais informações acesse: https://www.canalrural.com.br/