top of page

SAFRA 2023/24: ENTIDADES AGROPECUÁRIAS DO PARANÁ ENVIAM SUAS PROPOSTAS PARA O GOVERNO FEDERAL

O setor produtivo do Paraná encaminhou ao governo federal suas propostas para o Plano Safra 2023/24, que se inicia oficialmente em 1º de julho. Conforme nota da Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar), o pleito contempla recursos de pelo menos R$ 403 bilhões em crédito rural, além de redução de juros entre 1 e 3 pontos porcentuais, a depender do programa.


Ainda conforme a Ocepar, o valor solicitado pelo Paraná representa um aumento de 18,2% em relação ao montante destinado ao crédito rural no ano-safra anterior para as linhas de custeio, investimento, comercialização e industrialização.


Além disso, a entidade informa que se está pedindo o aumento nos limites de financiamento de programas como Pronaf (para a agricultura familiar) e Pronamp (para médios produtores). Já para a subvenção do prêmio do seguro rural, a reivindicação é de R$ 2,5 bilhões e também o aumento do limite de cobertura dos atuais R$ 335 mil para R$ 500 mil por produtor e por safra inserida no Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro).


Segundo o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, há expectativa também de que o governo federal dê atenção especial ao recursos voltados a investimentos, com taxas de juros competitivas. "Em nosso entendimento também é necessário manter o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) como principal repassador desses recursos, que devem chegar na ponta com agilidade e em condições favoráveis á produção no campo", disse, na nota.


Além da Ocepar, elaboraram o documento com as propostas as seguintes entidades do Estado: a Federação da Agricultura do Estado do Paraná (Faep), a Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores Familiares do Estado do Paraná (Fetaep), o Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-Paraná) e a Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (Seab).


As demandas foram levantadas com contribuições dos sindicatos rurais, produtores rurais, cooperativas, assistência técnica e extensão rural.



Para mais informações acesse: http://broadcast.com.br

コメント


bottom of page